Make your own free website on Tripod.com

Com os ossos suados de pânico
Meu peito ardendo as orelhas e
Meus pés pedrados no chão ...
Salivo sua chegada com fogo nas unhas
E trinco meus dentes na boca.
E um gosto de pelo garganta.
E um gosto de medo verdeja.
E um gosto de gelo congela.
Feiticeira,
Do tempo de quem me interessa
E de tudo que nessa vida é também.
Feitora faceira, disfarça depressa
Todas as faces que essa vida tem.

O Relógio

Fatos, fotos
Atos mortos
O tempo
Não volta mais

Fatos, fotos
Ratos e a flor de lótus
Mas o tempo
Não volta atrás

Fatos, fotos
Lembrar e esquecer
Pois o tempo
Não volta jamais.

 
Alegria
É ver você
E ter haver.
Te ver,
E se tiver haver,
Te Ter de novo tão bonita.
Volta e chega,
Aconchega e solta,
Toda beleza
E toda revolta
De tua presença
Que eu te quero linda
Que eu te quero ainda
Te ver de novo tão bonita.

INDEX
PRÓXIMO POEMA